Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Auxiliar de Memória de Acontecimentos do Mundo onde Vivemos

Bom Senso "É conservar uma Atitude Harmonizada em momentos decisão..., conflito..., possuir a capacidade de evitar a prática de acções ou actos impensados no intuito de posteriormente não se sentir embaraço, arrependimento..." Bomsenso

Bom Senso "É conservar uma Atitude Harmonizada em momentos decisão..., conflito..., possuir a capacidade de evitar a prática de acções ou actos impensados no intuito de posteriormente não se sentir embaraço, arrependimento..." Bomsenso

Auxiliar de Memória de Acontecimentos do Mundo onde Vivemos

08
Jun10

Portugal dos Pequenitos

bomsensoamiguinhos

RTP

2010-06-08

09:26:36

"Portugal dos Pequenitos"

comemora hoje 70 anos de vida

 

O "Portugal dos Pequenitos", em Coimbra, faz hoje 70 anos. O Parque Temático mais antigo do País foi inaugurado a 8 de Junho de 1940. Conta com cerca de 400 mil visitantes por ano. A data é assinalada com várias iniciativas, entre as quais, uma reconstituição histórica alusiva à época dos descobrimentos.

21
Jul09

Socorros a Náufragos - Só Figueiró dos Vinhos e Penela Pediram Apoio

bomsensoamiguinhos

 

SOL

19-JUL-2009

 

Socorros a náufragos
Câmaras ignoram apoio do ISN
 
Por Emanuel Costa
 

Só os municípios de Figueiró dos Vinhos e Penela pediram apoio, este ano, ao Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), para preparar a época balnear, revelou ao SOL Nuno Leitão, porta-voz da da instituição, numa notícia publicada esta sexta-feira na edição impressa. Neste domingo houve mais uma vítima

 

 

Em Figueiró dos Vinhos, concelho a norte de Leiria, a câmara municipal pediu ao ISN uma auditoria a duas praias fluviais, a das Fragas de São Simão e a de Aldeia Ana de Aviz. Já Penela, no distrito de Coimbra, quis que a praia da Louçaínha fosse integrada no arranque da campanha nacional do ISN, ‘Verão campeão’, de sensibilização para a segurança na prática balnear.
 
«Nós podemos fazer estas auditorias, formações ou campanhas de sensibilização em qualquer lado. Estamos disponíveis», explica o comandante Nuno Leitão, mas lembra que nas zonas onde o ISN não tem jurisdição, só deverá ou poderá actuar «após pedido».
A jurisdição sobre as praias fluviais portuguesas é complexa e muito dispersa, pois o ISN, instituto dependente da Marinha, só controla as zonas costeiras e as praias dos principais rios: Minho, Douro, Tejo (até Vila Franca de Xira) e Guadiana, que representam cerca de 130 km. As restantes estão sob a tutela das cinco administrações das regiões hidrográficas, do Serviço de Protecção da Natureza, da GNR, e ainda das câmaras municipais. Estas praias podem estar ou não aprovadas pelos Ministérios da Defesa e do Ambiente – 48 foram licenciadas este ano –, mas isso não implica que as recusadas estejam interditas a banhistas.
Por outro lado, o ISN é o órgão regulador que define e apresenta «as regras gerais da prática balnear, costeira ou fluvial», e «a única entidade que  forma os nadadores salvadores», destaca Nuno Leitão. O bom funcionamento das zonas de praia fluvial, quer a nível de condições e segurança da água e areal, quer relativamente à existência e qualidade dos apoios de primeiros-socorros, dependem das regras estipuladas pelo ISN. É esta entidade que tem as melhores meios para avaliar todos estes factores.
Uma maior aproximação ao ISN é defendida também pelo vice-presidente do Instituto da Água. Segundo Rocha Afonso, «essa aproximação é fundamental, pelo que as formas de colaboração devem ser aprofundadas face aos acontecimentos que se vão verificando». O mesmo responsável afirma ainda que os concessionários das praias também têm de ser responsabilizados.
Prevenir acima de tudo
Nuno Leitão afirma que a campanha de sensibilização do ISN deste ano terá abrangido 70 mil crianças nas escolas. O patrocínio da operadora móvel Vodafone permitiu também dotar as praias de telemóveis e bóias com um número de emergência. Mas apesar destas campanhas chegarem também a pessoas que frequentam praias fluviais, o porta-voz do ISN recorda que os perigos de uma praia fluvial «são completamente diferentes» . As lamas, os obstáculos escondidos no fundo, a profundidade da água, a pouca flutuação por ser água doce e até a temperatura mais fria da mesma, são características para as quais a sensibilização deve ser feita de forma diferente.
Quanto a nadadores salvadores, este ano o ISN formou mais 2 mil, o que eleva o número total para 6 mil nesta época balnear, embora existam muito poucos nos rios portugueses. Apesar do aumento gradual do número de vigilantes, Nuno Leitão prefere destacar a sensibilização como melhor arma de prevenção de acidentes ou mortes, porque «é humanamente impossível garantir a presença de vigilantes em todo o lado e a segurança passa muito pela atitude e conhecimento das pessoas» .
 
♦ ♦ ♦
 
Fragas de São Simão
 
foto retidada da internet

 

21
Jul09

Ciência - Neurónios - Portugueses descobrem como surgem

bomsensoamiguinhos

DN - Ciência

 

Investigação
 
Portugueses
descobrem como surgem os
Neurónios
 
por Lusa
 
 
 
 
Investigadores portugueses identificaram os mecanismos moleculares envolvidos na geração de neurónios a partir de células estaminais embrionárias, abrindo caminho ao desenvolvimento de novos tratamentos de lesões do sistema nervoso ou de doenças degenerativas.
 
O trabalho - hoje publicado na revista científica norte-americana PLoS ONE - foi realizado por uma equipa da Unidade de Biologia do Desenvolvimento do c(IMM) da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa a partir de células estaminais embrionárias de ratinho.
 
"Em vez de recorrer ao embrião em si, usámos um método in vitro que permite obter um grande número de células, ao longo de diferentes etapas, para tentar perceber o que acontece durante o desenvolvimento embrionário", disse Elsa Abranches, primeira autora do estudo.
 
A equipa traçou como objectivo "perceber ao que correspondem essas células no embrião em si, para tentar perceber quais os mecanismos que levam ao aparecimento de neurónios", acrescentou esta engenheira química doutorada em biotecnologia.
 
O estudo descreve, nomeadamente, a organização das células cultivadas in vitro nos grupos em roseta a partir das quais se desenvolvem os neurónios, da mesma forma que ocorre in vivo em animais vertebrados.

 

 

 

21
Jul09

Ciência - Reparação Cerebral Vence Prémio

bomsensoamiguinhos

DN - Ciência

por Lusa

 

 
 
Reparação cerebral vence prémio do MIT-Portugal
 
  
Reparação cerebral vence prémio do
MIT-Portugal
 
 
Uma investigação médica, realizada em Coimbra, que procura conhecer o funcionamento das células e contribuir para o desenvolvimento de novos fármacos que reparem cérebros doentes foi distinguida com um
 
 
Prémio do Programa MIT -- Portugal.
 
A plataforma científica, desenvolvida no Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) da Universidade de Coimbra "acaba de vencer a competição das Bio-Innovation Teams (Bio-Teams)", promovida pelo Programa MIT -- Portugal, e foi o  terceiro prémio que obteve no espaço de um ano (dois nacionais e um internacional), revela uma nota de imprensa da instituição.
 
João Malva, da Faculdade de Medicina de Coimbra, adiantou à Agência Lusa que a investigação que coordena se desenrola há quatro anos no domínio da reparação cerebral, em torno das propriedades das células e na identificação de novos fármacos.
 
Segundo uma nota de imprensa da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), o resultado da investigação encontra-se já protegido por cinco patentes internacionais.
 
Além da busca de novos fármacos que reparem as doenças no cérebro, o conhecimento do funcionamento das células, segundo o investigador, poderá vir a possibilitar a "educação das células imaturas" (estaminais) para gerarem neurónios que substituam os que se encontram danificados.
 
"Em resumo, a plataforma permite avaliar, em simultâneo, um gigantesco número e diversidade de células e obter a informação detalhada do comportamento de cada uma", explica o investigador.
 
Estas pesquisas de novas estratégias neuroprotectoras e de reparação cerebral, que João Malva classifica de "investigação pura", poderão ser úteis no tratamento de doenças neurogenerativas, como as doenças de Alzheimer ou de Parkinson.
 
"Explorando a capacidade do cérebro adulto, de gerar novas células do cérebro, esperamos que um dia a ciência consiga utilizar este potencial para curar doenças", conclui João Malva.

 

 

01
Mai09

Queima das Fitas de Coimbra comelou com Serenata Monumental

bomsensoamiguinhos

  

110 Anos

 

Queima das Fitas de Coimbra

comelou com Serenata Monumental

 

 

 

A mais antiga festa de estudantes do país assinala 110 anos e também os 40 anos da crise académica de 1969, datas que foram lembradas na última noite, durante a serenata monumental.

2009-05-01 21:53:47

12
Fev09

Coimbra - Museu da Água de Coimbra nomeado para Melhor da Europa

bomsensoamiguinhos

 

COIMBRA

 

MUSEU DA ÁGUA

 

Museu da Água de Coimbra

 

 

 

A Águas de Coimbra recupera uma tradição secular que marca a história de todas as populações ribeirinhas do Mondego.
 
De Junho a Setembro, um belíssimo exemplar da barca serrana vai estar acessível cais do Museu da Água, para efectuar passeios turísticos, todos os sábados e domingos à tarde.
 
A embarcação foi adquirida pela Águas de Coimbra para enriquecer o espaço museológico desta empresa municipal, no Parque Manuel Braga.
 
O objectivo é proporcionar a todos os munícipes e pessoas que visitam a cidade, a oportunidade de embarcarem num passeio com história.

 

Barca Serrana

 

 

www.museudaagua.com/

 

 

ImageÁgua Ibérica - O Mundo escondido
Carlos Blasquez
29 de Janeiro de 2009

 

 

 

Image 2º Aniversário do Museu da Água e lançamento do anuário 2
22 de Março de 2009

 

 

 

 

 

ImageInteligência Artificial
Instalação
7 de Maio de 2009
 

 

 

⇔⇔⇔ 

 

 

Situado no Parque Dr. Manuel de Braga, o Museu da Água de Coimbra veio ocupar uma antiga Estação de Captação de Água, datada de 1922.

 

Este espaço museológico é um local de celebração de memórias antigas, inspirado no diálogo permanente entre Coimbra e o Rio Mondego.

 

O programa cultural anual deste Museu tem um sem número de sugestões de actividades e eventos, que vão desde as exposições de pintura, escultura, vídeo, instalações de arte, edição de livros, concertos musicais, até aos seminários e workshops temáticos.


Telefone: 239 102 115
E-mail: museudaagua@aguasdecoimbra.pt
 

Parque Dr. Manuel Braga - Parque da Cidade
Notas: www.museudaagua.com
Informação GPS
Latitude: 40.20484
Longitude: -8.42767

3ª a Dom. e Feriado: 10h-13h/14h-18h
Encerra à 2.ª, Natal e Ano Novo
Entrada gratuita

Autocarro: 10, 11T, 24T, 33, 41

 

www.turismodecoimbra.pt/pt/museus/museu-da-gua.html

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

ESPAÇOS DO AUTOR

====================== INFORMAÇÃO GLOBAL PANDEMIA - LINKS UTEIS ======================

  • ======================

GRIPE HUMANA DE ORIGEM SUíNA, AVIÁRIA, PANDEMIA -> LINKS ÚTEIS

GRIPE HUMANA (Aviária e Pandemia) Ministérios Outros Países

PRESIDENTE DA REPÚBLICA

PESSOAS ADMIRÁVEIS

LEGISLAÇÃO

=> DIREITOS HUMANOS

INSTITUIÇÕES NACIONAIS

SIC-Soc. Informação e Conhecimento

FINANÇAS / IMPOSTOS

UE - INST. EUROPEIAS

Finanças,Gestão, Economia...

INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS

MÚSICOS E MÚSICAS

Imprensa / Informação

ONLINE - RÁDIO / TV / Imagens

EDITORES

ESPAÇOS CULTURAIS

LIVRARIAS

DADOS HISTÓRICOS

LIVREIROS / ALFARRABISTAS

ESPAÇOS AMIGOS

ESPAÇOS SUGERIDOS

VALEU A PENA CONHECER

RESTAURANTES

-> V I O L Ê N C I A

MEDICINA DENTÁRIA

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D