Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31

ARQUIVO

PESQUISAR NO BLOG:

 

POST RECENTES

Estudo do cérebro facilit...

Crédito malparado bate re...

Informações Obrigatórias ...

Ramalho Eanes denunciou e...

JN - 5 Passos para se Pro...

Portugal - consumo - Cris...

Preços de produtos branco...

LINKS

PESQUISAR NO BLOG:

 

Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31
Sexta-feira, 28 de Maio de 2010

Estudo do cérebro facilita compreensão das escolhas económicas - Investigação: Nova ciência

May 24, 2010 by Inovação & Marketing

Investigação:

Nova ciência de estudo do cérebro

facilita compreensão das escolhas económicas

 

Inovação, Marketing, Tecnologia, Empreendedorismo, Gestão, Portal, Blog

As decisões económicas são imprevisíveis porque a racionalidade é limitada, mas a neuroeconomia pode ajudar a compreender melhor o que está na base de determinados comportamentos e tendências, estudando os mecanismos cerebrais.
Esta ciência está ainda a dar os primeiros passos, mas pode vir a tornar-se uma ferramenta muito útil, defendeu o investigador e autor do livro “Neuroeconomia – Ensaio sobre a sociobiologia do comportamento”, José Eduardo Carvalho, em entrevista à Lusa.
Os estudos neuroeconómicos revelam o papel das emoções nas escolhas estratégicas e podem contribuir para ajustar os modelos económicos a uma nova realidade.
Recorrendo a áreas científicas como a cromotografia, a microeletrónica e a nanotecnologia, os neurocientistas dispõem de “um conjunto de instrumentos que permitem ver em tempo real como é que as pessoas reagem, em termos hormonais, se forem estimuladas”.
“O que as pessoas dizem nem sempre corresponde à realidade”, sublinhou o professor universitário. “Hoje, é possível ver isso e estes instrumentos podem optimizar a informação de que os economistas hoje dispõem”.
No entanto, a nova ciência está a ser mais aproveitada pelos “homens do marketing” do que pelos economistas.
A neurociência descobriu que há zonas do cérebro que são estimuladas quando uma pessoa é confrontada com um dado objecto, mas nem sempre funcionam de forma racional.
“A estimulação é visível numa determinada zona e depois há outra zona que faz a aferição do preço, por exemplo, mas se houver uma deficiência do funcionamento cerebral, essa zona não se “acende” e o indivíduo pode endividar-se para comprar um bem de que não necessita”.
A explicação para o sobreendividamento pode ter também a ver com outra descoberta: “Temos uma componente genética que nos pode fazer desenvolver uma certa propensão para o consumo, mas também há uma componente cultural, que resulta de uma aprendizagem e que se transmite através de gerações”, explicou o economista.
Os comportamentos económicos reflectem crenças e valores, salientou.
Ao contrário do que acontecia há décadas, em que os pobres se resignavam e não ambicionavam chegar a uma classe superior, hoje as pessoas com menores rendimentos “são constantemente estimuladas para o consumo, pelos anúncios e pelas telenovelas e vão interiorizando estes padrões”.
José Eduardo Carvalho defende que “as tradições e a política contribuem cada vez menos para a formação da identidade” e que esse papel tem vindo a ser assumido pelo consumo.

 

Fonte: Económico

 

♦ ♦ ♦

 

VER:

 

http://inovacaomarketing.com/

:
Publicado por bomsensoamiguinhos às 23:59
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Sábado, 22 de Maio de 2010

Crédito malparado bate recorde de 3,89 - Incumprimento das famílias agrava-se ainda mais este ano

 

SIC

21/05/2010

 

Especialista em sobreendividamento prevê que situação piore nos próximos 2 anos

 

 

 

Publicação

21-05-2010

21:36

Crédito malparado bate recorde de 3,89 mil milhões de euros

O crédito malparado ao consumo subiu para valores recorde.

Os especialistas prevêem que o incumprimento das famílias ainda vai agravar-se mais este ano.

3,89 milhões de euros é o valor que os consumidores portugueses deixaram de pagar aos bancos, até Março. Isto significa que 2,8 por cento dos empréstimos concedidos pela banca é crédito malparado, ou seja, tem cobrança duvidosa.

Se compararmos Março com o mesmo mês do ano passado, o crédito vencido nos particulares aumentou 18 por cento, a mesma coisa é dizer cerca de 600 milhões de euros.
O caso é mais grave no crédito ao consumo, onde o incumprimento tem aumentado nos últimos dois anos, mas agora atinge o nível mais elevado desde o final de 1997, com cerca de 7 % do valor dos empréstimos em malparado. Os especialistas acreditam que a situação vai piorar por causa do aumento dos impostos.


 

Este gráfico com base em informação do Banco de Portugal mostra que o consumo das famílias não parou de crescer nos últimos meses, passando valores de início de 2008 ou mesmo de 2007. Ou seja, a tendência dos portugueses tem sido a de continuar a comprar, também com recurso ao crédito, como se não houvesse crise.
...

http://sic.sapo.pt/online/noticias/dinheiro/Credito+malparado+bate+recorde+de+389+mil+milhoes+de+euros.htm

:
Publicado por bomsensoamiguinhos às 18:16
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 29 de Abril de 2010

Informações Obrigatórias sobre Crédito ao Consumo

SIC

 

DECO diz que maioria dos bancos não dá as informações obrigatórias sobre crédito ao consumo

 

 

 

Publicado por bomsensoamiguinhos às 19:30
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009

Ramalho Eanes denunciou existência de um clima de medo crónico

 

TSF

 Ramalho Eanes

 

 

O general Ramalho Eanes denunciou, esta terça-feira, a existência de um clima de medo crónico de criticar para não ser prejudicado e de arriscar.
 
O antigo Presidente da República pediu ainda aos políticos que informem sempre os portugueses da verdade.

 

 

O general Ramalho Eanes, que participava numa conferência sobre defesa nacional, no âmbito de um ciclo cujos trabalhos são presididos pelo ministro Severiano Reixeira, disse que Portugal necessita de mudanças profundas e de uma sociedade mais unida.

 
O antigo Presidente da República considerou também que os partidos políticos devem aproveitar o período eleitoral que se aproxima para falar a verdade aos portugueses.
 
O antigo Chefe de Estado defendeu que, durante a campanha eleitoral, «se evite o folclore partidário habitual e se aproveite para consciencializar os portugueses da situação de impossível manutenção em que nos encontramos e que não se entre num jogo de atribuição de culpas».
 
Na opinião do general, só conhecendo a verdade se pode fortalecer a opinião pública e acabar com um clima de medo, afirmando que na sociedade actual existem vários medos como o «com medo do presente, do futuro, pelos filhos, pela sorte dos pais, pelo emprego e medo dos poderes políticos».
 
Para Ramalho Eanes, falta noção da realidade na sociedade actual que, perante a « impavidez política dos governos», se entregou à realidade incontornável do consumo.

 

 

AUDIO

 

www.tsf.pt/paginainicial/AudioeVideo.aspx

 

 
Publicado por bomsensoamiguinhos às 10:00
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Sábado, 17 de Janeiro de 2009

JN - 5 Passos para se Proteger da Crise

Jornal de Negócios Online

Sábado, 17 Janeiro 2009

 

Sara  Antunes
saraantunes@mediafin.pt
André  Veríssimo
averissimo@mediafin.pt

 

Dinheiro 

 

5 passos para se proteger da crise

 

  
A recessão impõe cautela na gestão do dinheiro, até porque o grau que ela vai assumir é ainda uma incerteza. Porque o melhor é prevenir, o Negócios sugere um plano, em cinco passos, para defender as suas finanças.

 


 
1. Orçamento mensal
    Assuma o controlo das suas despesas


2. Poupanças
    Constitua um fundo de emergência

 
3. Depósitos
    São a melhor aplicação de baixo risco
 
4. Reduzir a prestação da casa
    Alargar prazo do crédito ou adiar pagamento de capital
 
5. Dívidas
    Amortizar e evitar fazer novos empréstimos

 Artigo completo em www.jornaldenegocios.pt/index.php

 

 

Publicado por bomsensoamiguinhos às 22:00
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2008

Portugal - consumo - Crise - Famílias

TSF 

                                                                            Fonte: tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Economia/Interior.aspx

crise financeira

 


Famílias portuguesas estão a alterar hábitos de uso do crédito

Hoje às 11:44

 As famílias portuguesas estão a alterar o comportamento perante a crise, recorrendo mais ao crédito para artigos para o lar, em detrimento das habituais opções, como o automóvel. No entanto, esta opção não vem alterar o risco de maior endividamento.
 

Devido à crise internacional, está-se a assistir a uma alteração no comportamento das famílias portuguesas com estas a voltarem-se para o crédito especializado para aquisição de artigos para o lar e menos para o crédito pessoal e automóvel, indicou, esta quinta-feira a Associação de Instituições de Crédito Especializado (ASFAC).

 

A secretária-geral da ASFAC, Susana Albuquerque, acrescentou que «o crédito especializado para aquisição de artigos para o lar vai crescer em Portugal até ao final de 2008» enquanto que os demais tipos de crédito têm registado evoluções negativas.

 

«Ao longo do próximo ano a tendência de evolução aponta para uma redução global no crédito especializado concedido», devido não só ao facto de Portugal ser um mercado «mais maduro», mas também porque as taxas de endividamento, que oscilam entre os 10 a 15 por cento, ao ano, «não serem possíveis de manter», sublinhou.

 

No entanto, a responsável do Gabinete de Apoio ao Sobrendividamento da Deco, Natália Nunes, deixa um aviso às famílias portuguesas para que, independentemente do tipo de crédito ao consumo optem por este tipo de financiamento «de forma pontual e ponderada para não aumentarem o seu endividamento para lá dos limites prudenciais».

 

Para a Deco, as famílias devem fazer sempre um orçamento, procurar ter como objectivo poupar cinco a seis vezes o rendimento mensal, por forma a terem «um pé de meia» e «aprender a viver com o que têm», devendo ver o crédito como um complemento para situações «bem ponderadas»

 FONTE:  TSF 

 

Publicado por bomsensoamiguinhos às 23:16
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 8 de Dezembro de 2008

Preços de produtos brancos crescem três vezes mais

 MARIA JOÃO ESPADINHA     DIÁRIO DE NOTÍCIAS  - 08-12-2008

 

"Comércio. São cada vez mais procurados pelos portugueses, o que se explica por três razões fundamentais: são mais baratos, têm qualidade e estão à mão....

 ...Os preços das marcas brancas ou dos produtos próprios dos hipermercados e supermercados cresceram, nos primeiros seis meses de 2008, três vezes mais do que os restantes produtos, com insígnia própria. Segundo dados da Centromarca - Associação Portuguesa de Empresas de Produtos de Marca, que através dos seus associados representam mais de 800 insígnias -, assentes num estudo da TNS (empresa que elabora estudos de mercado), o preço médio dos artigos das marcas brancas subiram 14%, enquanto que os restantes produtos, tradicionalmente mais caros, aumentaram 4%. O que significa que a diferença de preço entre os produtos próprios dos hipermercados e os tradicionais é agora mais pequena do que no início do ano..."


Cont.... 
dn.sapo.pt/2008/12/08/economia/precos_produtos_brancos_crescem_tres.html 

Publicado por bomsensoamiguinhos às 04:19
Acesso ao Link do post | COMENTE ESTE POST OU SOBRE ESTE TEMA... | Adicionar aos favoritos

Contagem a partir do dia 17 de Dez de 2008

------------------------------

Deixe a Sua Sugestão...Opinião...Mensagem... ! :-)

Bom Senso "É conservar uma Atitude Harmonizada em momentos decisão..., conflito..., possuir a capacidade de evitar a prática de acções ou actos impensados no intuito de posteriormente não se sentir embaraço, arrependimento..." Bomsenso

ENVIE AS SUAS SUGESTÕES: Bomsensoamiguinhos@sapo.pt

PENSAMENTO DO MOMENTO Anilady

Mercados Financeiros: Esp...

Pensamento - Investir na ...

Foi com Surpresa e Enorme...

Bomsenso - Crise Naciona...

O que é a Ética?

Bomsenso - Ética e Mentir...

Bomsenso - GUERRA - GAZA ...

Bomsenso - Dívida Externa...

TAGS

portugal(252)

actualidade(125)

2010(105)

crise(93)

2009(71)

crise económica(66)

pensamento(65)

economia(61)

portugueses(60)

vídeo(54)

cultura(53)

lisboa(52)

história(50)

crise financeira(49)

ciência(48)

2011(46)

videos(44)

portugal-bem(43)

português(43)

presidente da república(43)

conhecer portugal(40)

provérbio(40)

política(38)

actualidade política(37)

citações(37)

pensamentos(37)

cavaco silva(36)

interesse geral(33)

cavaco(31)

viajar cá dentro(31)

património(30)

turismo(30)

saúde(28)

democracia(27)

conhecimento(26)

foto(26)

frases(26)

música(26)

politicos(26)

recessão(26)

viagens(22)

desemprego(21)

estado da nação(21)

europa(21)

frase(21)

tourist(21)

25 de abril(20)

ética(20)

global(20)

investigação(20)

presidente(20)

arte(19)

obama(19)

actualidade económica(18)

fotos(18)

lisbon(18)

poesia(18)

portuguesa(18)

sociedade(18)

conduta(17)

eua(17)

finanças(17)

histórico(17)

neve(17)

poema(17)

porto(17)

portugueses em destaque(17)

revolução(17)

sismo(17)

ue(17)

barack obama(16)

crise politica(16)

frio(16)

cravos(15)

economia real(15)

educação(15)

escritor(15)

história de portugal(15)

movimento(15)

opinião(15)

revolução dos cravos(15)

terramoto(15)

1974(14)

imprensa(14)

militares(14)

photos(14)

poeta(14)

vermelhos(14)

bomsensoamiguinhos(13)

crianças(13)

défice(13)

desconfiança(13)

eleições(13)

forças armadas(13)

mapa(13)

cinema(12)

guerra(12)

museu(12)

otelo saraiva carvalho(12)

photo(12)

todas as tags

PESQUISAR NO BLOG:

 
blogs SAPO
RSS