Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Auxiliar de Memória de Acontecimentos do Mundo onde Vivemos

Bom Senso "É conservar uma Atitude Harmonizada em momentos decisão..., conflito..., possuir a capacidade de evitar a prática de acções ou actos impensados no intuito de posteriormente não se sentir embaraço, arrependimento..." Bomsenso

Bom Senso "É conservar uma Atitude Harmonizada em momentos decisão..., conflito..., possuir a capacidade de evitar a prática de acções ou actos impensados no intuito de posteriormente não se sentir embaraço, arrependimento..." Bomsenso

Auxiliar de Memória de Acontecimentos do Mundo onde Vivemos

19
Jun10

Saramago - Avião Militar Trouxe Restos Mortais

bomsensoamiguinhos

 

 

RTP

2010-06-19

14:04:07

O Avião que trouxe

restos mortais de Saramago

aterrou no Figo Maduro às 13h34

 

No Aeroporto uma série de personalidades esperavam pelo corpo do escritor. Ministros da Cultura de Angola e da Guiné-Bissau quiseram estar presentes na cerimónia.

 


 

 

RTP

2010-06-18

22:33:18

Saramago,

de Azinhaga do Ribatejo ao

Nobel da Literatura

 

 

 

José Saramago chegou a dizer onde queria que ficassem as suas cinzas. Isso aconteceu no documentário da RTP de Alberto Serra, intitulado "Levantado do Chão" e exibido em 2008.

 

 


 

RTP

2010-06-19

14:26:06

Saramago

definia-se como um

"operário da escrita"

 

Homem de ideias e de convicções fortes, fez da sua obra uma polémica constante. Publicou 35 livros, traduzidos em 42 línguas.

18
Jun10

José Saramago Morreu

bomsensoamiguinhos

José Saramago

 

 

2010-06-18

 

O prémio Nobel da Literatura, José Saramago, faleceu aos 87 anos. O escritor, laureado com o Nobel em 1998, sofria de graves problemas respiratórios. "Caim" foi o último livro de Saramago a ser lançado.

 

 

 

Morreu José Saramago

Aos 87 anos, José Saramago faleceu na sua casa em Lanzarote. A câmara ardente com os restos mortais de José Saramago será instalada às 17:00 desta sexta-feira, hora de Lisboa, na Biblioteca José Saramago na localidade de Tías, na ilha espanhola Lanzarote.

A informação foi confirmada aos muitos jornalistas que estavam no exterior da casa de Saramago, nesta localidade, onde se deslocaram já, entre outros, o biógrafo do escritor, José Juan Cruz e o escritor Fernando Gómez Aguilera, director da Fundação César Manrique.

José Saramago vai ser cremado e as cinzas vão ficar em Portugal.

 

O site da Fundação José Saramago deu lugar a uma única página, com a mensagem:

 

"Hoje, sexta-feira, 18 de Junho, José Saramago faleceu às 12.30 horas na sua residência de Lanzarote, aos 87 anos de idade, em consequência de uma múltipla falha orgânica, após uma prolongada doença. O escritor morreu estando acompanhado pela sua família, despedindo-se de uma forma serena e tranquila."


...

 

Biografia


José Saramago nasceu na aldeia ribatejana de Azinhaga, concelho de Golegã, no dia 16 de Novembro de 1922, embora o registo oficial mencione o dia 18.


Os seus pais emigraram para Lisboa quando ele ainda não tinha três anos de idade. Toda a sua vida tem decorrido na capital, embora até ao princípio da idade madura tivessem sido numerosas e às vezes prolongadas as suas estadas na aldeia natal.


Fez estudos secundários (liceal e técnico) que não pôde continuar por dificuldades económicas. No seu primeiro emprego foi serralheiro mecânico, tendo depois exercido diversas outras profissões, a saber: desenhador, funcionário da saúde e da previdência social, editor, tradutor, jornalista.


Publicou o seu primeiro livro, um romance ("Terra do Pecado"), em 1947, tendo estado depois sem publicar até 1966. Trabalhou durante doze anos numa editora, onde exerceu funções de direcção literária e de produção. Colaborou como crítico literário na Revista "Seara Nova".


Em 1972 e 1973 fez parte da redacção do Jornal "Diário de Lisboa" onde foi comentador político, tendo também coordenado, durante alguns meses, o suplemento cultural daquele vespertino. Pertenceu à primeira Direcção da Associação Portuguesa de Escritores. Entre Abril e Novembro de 1975 foi director-adjunto do "Diário de Notícias". Desde 1976 vivia exclusivamente do seu trabalho literário.

 

http://livros.sapo.pt/noticias/artigo/27804.html

 

 


 

 

Prémio Nobel da Literatura

Foto@LUSA/Manuel Moura

José Saramago na cerimónia de entrega do Prémio Nobel da Literatura, em Estocolmo.

Fotografia de 10 de Dezembro de 1998.

 

http://noticias.sapo.pt/foto/1072562/

 

 


RTP

2010-06-18

19:01:20

 

Carlos Reis

coloca Samarago

acima da dimensão nacional

 

Carlos Reis é um dos maiores estudiosos da obra de José Saramago. O professor universitário vê na morte do escritor a perda de uma grande referência.


RTP

2010-06-18

13:33:32

 

Saramago,

prémio Nobel da Literatura

 

 

Morreu José Saramago. O primeiro prémio Nobel da literatura em língua portuguesa faleceu esta manhã em casa, na Ilha de Lanzarote, aos 87 anos.

 


 

RTP

2010-06-18

18:25:23

Discurso de Saramago na cerimónia da atribuição do Prémio Nobel da Literatura em 1998

 

José Saramago recebeu o Prémio Nobel da literatura em 1998. O discurso perante a Academia Sueca foi um dos momentos altos da vida do escritor. Saramago falou sobre muitos dos livros que escreveu. Recordamos aqui algumas das palavras sobre os títulos "Todos os Nomes" e "Ensaio sobre a Cegueira".

27
Abr10

Citações - Leitura - Voltaire

bomsensoamiguinhos

 

 

“A Leitura Engrandece a Alma.”

 

 

Voltaire

 

Ficheiro:Voltaire.jpg


François-Marie Arouet,

mais conhecido pelo pseudônimo Voltaire

(Paris21 de novembro de 1694 — Paris, 30 de maio de 1778),

foi um escritorensaístadeístafilósofo iluminista francês,

conhecido pela sua perspicácia e espirituosidade na defesa dasliberdades civis,

inclusive liberdade religiosalivre comércio

 

Wikipédia

25
Jan10

Mentira - Frase - Winston Churchill

bomsensoamiguinhos

 

Mentira

 

 

"  Uma Mentira   

dá uma volta inteira

ao Mundo

antes mesmo de a Verdade

   ter oportunidade de se vestir. "

 

Winston Churchill

Winston Churchill

Wikipédia

 

Sir Winston Leonard Spencer-Churchill (Oxfordshire, 30 de Novembro de 1874Londres, 24 de Janeiro de 1965) foi um nobre, estadista britânico, escritor, jornalista, orador e historiador, famoso principalmente por sua atuação como primeiro-ministro do Reino Unido durante a Segunda Guerra Mundial.

 

 

 

28
Jan09

Capital do Brasil - Brasília organiza semana cultural dedicada a Portugal

bomsensoamiguinhos

SOL

25 JAN 09

 

Capital do Brasil
 
Brasília
organiza semana cultural dedicada a
Portugal
 
 
Portugal será a estrela cultural de Brasília na próxima semana, no âmbito de um projecto que pretende atrair novos visitantes para a capital brasileira, com espectáculos, performances cénicas, exposições, debates literários e gastronomia de diferentes países
 
«O projecto Palcobrasília começa por Portugal, porque é a nossa pátria-mãe. Esta semana dedicada a Portugal foi motivada também pelo início da reforma ortográfica, que será tema de muitos debates», disse à agência Lusa o produtor Jorge Luiz, da Giral Projectos Socioculturais.

A primeira edição do projecto reunirá escritores, músicos e actores brasileiros e portugueses em Brasília, que pretende quebrar com o monopólio cultural do eixo Rio-São Paulo.

Um dos destaques da programação é a apresentação do grupo português Madredeus & A Banda Cósmica, que vai lançar o seu novo CD, o álbum duplo Metafonia.

Outra atracção musical será o show da brasileira Adriana Calcanhoto.

O público brasileiro vai poder ver, pela primeira vez no país, a exposição Os Lugares de Pessoa, que mostra a biografia e a bibliografia do poeta português Fernando Pessoa.

A programação literária inclui ainda as presenças da escritora Inês Pedrosa e da brasileira Elisa Lucinda.

O evento será aberto na segunda-feira, com a inauguração da exposição Os Lugares de Pessoa, da mostra fotográfica Aquarela do Brasil, do brasileiro Bento Viana e com um concerto do pianista português Adriano Jordão e da violinista brasileira Gabriela Queiroz.

«Este é o início de um processo. Podemos transformar Brasília num caldeirão cultural efervescente. Podemos também levar este projecto a outras capitais. Podemos fazer uma semana da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa», afirmou à Lusa um dos organizadores, o luso-brasileiro Marcos Joaquim Alves.

O evento deverá, segundo a organização, atrair cerca de 1.000 pessoas por noite e todas as actividades culturais serão transmitidas para 1.500 municípios brasileiros, a maioria deles afastados dos grandes centros urbanos.

As próximas edições do Palcobrasília serão dedicadas à França, Colômbia, Itália e Japão.
 
Lusa/SOL

 

 

 

 

 

28
Jan09

Fernando Namora recordado 20 anos após a sua morte

bomsensoamiguinhos

SOL

3a-feira, 27 Janeiro 2009

 

Fernando Namora recordado 20 anos após a sua morte
 
Separador

 

Fernando Namora recordado 20 anos após a sua morte

 

ONTEM

Escritor

 
O escritor Fernando Namora será evocado no próximo fim-de-semana, por ocasião do 20.º aniversário da sua morte, em duas sessões promovidas pela Associação Portuguesa de Escritores (APE) e pela secção regional do sul da Ordem dos Médicos
 
 
Fernando Namora (15 de Abril 1919 - 31 de Janeiro 1989), a quem o presidente da APE, José Manuel Mendes chama «um dos escritores maiores do nosso século XX, médico e cidadão cuja memória perdurará e a todos implica», será homenageado sábado, dia 31, às 15h30, num colóquio presidido por Mário Soares que decorrerá no Auditório da Ordem dos Médicos, em Lisboa.

A iniciativa, que contará com a participação de vários amigos do escritor, como José Manuel Mendes, Paulo Coelho, Carlos Reis, Baptista-Bastos, Eugénio Lisboa, Jacinto Simões, Joana Ruas e Luís Machado, terminará com a leitura de textos do autor de Retalhos da Vida de um Médico.

No dia seguinte, domingo, pelas 14:30, será exibido no Cinema São Jorge (sala 3) o filme Domingo à Tarde, realizado por António de Macedo em 1965, a partir do romance homónimo de Fernando Namora.

A sessão, organizada em colaboração com a Cinemateca Portuguesa e a Câmara Municipal de Lisboa, contará com a presença do realizador e intervenções de José Manuel Mendes e Paulo Fidalgo.

Nascido em Condeixa-a-Nova, Fernando Gonçalves Namora licenciou-se em Medicina pela Universidade de Coimbra e exerceu a profissão na sua terra natal e nas regiões da Beira Baixa e Alentejo.

Estreou-se na literatura em 1938 com o volume de poesia Relevos e publicou, no mesmo ano, o romance As Sete Partidas do Mundo, que lhe valeu o Prémio Almeida Garrett.

Publicou, em prosa, títulos como Fogo na Noite Escura (1943), Casa da Malta (1945), As Minas de S. Francisco (1946), Retalhos da Vida de um Médico (1949 e 1963, adaptado ao cinema e a televisão), A Noite e a Madrugada (1950), O Trigo e o Joio (1954), O Homem Disfarçado (1957), Cidade Solitária (1959), Domingo à Tarde (1961, Prémio José Lins do Rego), Os Clandestinos (1972) e Rio Triste (1982).

Além de romances, publicou em poesia, Mar de Sargaços (1940) e Marketing (1969), bem como uma antologia poética, em 1959, intitulada As Frias Madrugadas.

Escreveu também contos, volumes de memórias, notas de viagens e crítica, como Diálogo em Setembro (1966), Um Sino na Montanha (1970), Os Adoradores do Sol (1972), Estamos no Vento (1974), A Nave de Pedra (1975), Cavalgada Cinzenta (1977) e Sentados na Relva (1986).
 
Lusa/SOL

 

 

26
Jan09

Poema - Ser Português - Paulo César

bomsensoamiguinhos

 

 

Ser Português
 
portugues2.jpg

(Imagem recolhida na Internet)


Paulo César

  

 
Ser Português


 
Ser Português é aventura marinheira
Passando das desventuras o Bojador

É ser da própria vida o navegador

E no alto do mastro nossa bandeira


Bolinar na brisa das Primaveras

E sulcar a todo o pano nos Verões
Até aos portos de Outonais corações

Tornando reais velhas quimeras


E nos Invernos de qualquer cais
A tomar um café quente a fumegar
Aparece uma nova forma de amar


À das suas Primaveras tão iguais
Com os mesmos beijos suspiros e ais
Porque ser Português não é parar.


Poema escrito a 25 de Outubro de 2005
22
Jan09

O que é a Ética?

bomsensoamiguinhos
 
Os principais colaboradores de Barack Obama receberam directrizes no sentido do uso de transparência e ética no desempenho do serviço público...

 

O que é a Ética?

 

Trata-se de um tema que me tem despertado muito interesse há uns anos a esta parte... na medida em que sentia que a sociedade se estava a reger por valores bem diferentes daqueles em que acredito.

 

Poderia dar vários exemplos. Contudo, basta enumerar o caso dos pais e avós que são depositados e abandonados em lares, hospitais... casos que se passam dentro das próprias famílias... quanto mais fora das mesmas...

 

Tentei entender  o que é de facto ética para a definir correctamente e transmitir a gente um pouco mais jovem. Confesso, tive dificuldade!

 

Felizmente já se dá estes temas duma forma interessada nas escolas e universidades deste país.

 

 

 

Em relação a OBAMA,

 

José Saramago no "caderno de Saramago" dizia:

 

"Donde saiu este homem?...

... Quando pergunto donde saiu Barack Obama estou a manifestar a minha perplexidade por este tempo que vivemos, cínico, desesperançado, sombrio, terrível em mil dos seus aspectos, ter gerado uma pessoa (é um homem, podia ser uma mulher) que levanta a voz para falar de valores, de responsabilidade pessoal e colectiva, de respeito pelo trabalho, também pela memória daqueles que nos antecederam na vida. Estes conceitos que alguma vez foram o cimento da melhor convivência humana sofreram por muito tempo o desprezo dos poderosos, esses mesmos que, a partir de hoje (tenham-no por certo), vão vestir à pressa o novo figurino e clamar em todos os tons: “Eu também, eu também.” Barack Obama, no seu discurso, deu-nos razões (as razões) para que não nos deixemos enganar."

 

 

É dificil prever o defecho de todo este entusiasmo ... depositado a nível global...  num HOMEM que aparentemente sem artificialidades... transmite  mensagens de esperança, cheio de Boas Intenções... e determinado! 
 
Muito se tem falado... e muito se contibuará a falar... 
sobre este fenómeno OBAMA! 
 
 
Saramago, tem razão!
 
 
"Donde saiu este homem?..."

 

 

 Bomsensoamiguinhos

⇔⇔⇔

 

 Wikipedia

 

A palavra Ética é originada do grego ethos, (modo de ser, caráter) através do latim mos (ou no plural mores) (costumes, de onde se derivou a palavra moral.)[1]. Em Filosofia, Ética significa o que é bom para o indivíduo e para a sociedade, e seu estudo contribui para estabelecer a natureza de deveres no relacionamento indivíduo - sociedade.
 

 

pt.wikipedia.org/wiki/%C3%89tica

 

 

 

 
 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

ESPAÇOS DO AUTOR

====================== INFORMAÇÃO GLOBAL PANDEMIA - LINKS UTEIS ======================

  • ======================

GRIPE HUMANA DE ORIGEM SUíNA, AVIÁRIA, PANDEMIA -> LINKS ÚTEIS

GRIPE HUMANA (Aviária e Pandemia) Ministérios Outros Países

PRESIDENTE DA REPÚBLICA

PESSOAS ADMIRÁVEIS

LEGISLAÇÃO

=> DIREITOS HUMANOS

INSTITUIÇÕES NACIONAIS

SIC-Soc. Informação e Conhecimento

FINANÇAS / IMPOSTOS

UE - INST. EUROPEIAS

Finanças,Gestão, Economia...

INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS

MÚSICOS E MÚSICAS

Imprensa / Informação

ONLINE - RÁDIO / TV / Imagens

EDITORES

ESPAÇOS CULTURAIS

LIVRARIAS

DADOS HISTÓRICOS

LIVREIROS / ALFARRABISTAS

ESPAÇOS AMIGOS

ESPAÇOS SUGERIDOS

VALEU A PENA CONHECER

RESTAURANTES

-> V I O L Ê N C I A

MEDICINA DENTÁRIA

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D